Artigos Notícias

Tochas MIG Refrigeradas a Água – Dicas de Manutenção

Publicado por John Esposito em 30/10/2019 13:00:00

Seguindo o post sobre Dicas de Manutenção para Tochas MIG Refrigeradas a Ar, essa edição se refere aos problemas mais comuns que podem ser encontrados quando se utilizando Tochas MIG refrigeradas a Água.

Quando se está indo de uma tocha refrigerada a ar para tocha refrigerada a água, o maior componente é a: água. Como a água é um bom condutor de eletricidade, isso representa uma ameaça, tanto quanto como riscos elétricos; seja para o soldador ou para os trabalhadores a sua volta, dependendo se houver água no chão. Então quando você está propondo um equipamento refrigerado a água, a manutenção é extremamente importante. Deve-se manter uma rotina de manutenção regular. Começando pela unidade refrigeradora por todo o caminho até a tocha, vamos passar por alguns passos que devem ser uma parte de sua rotina de manutenção regular.

A unidade refrigeradora deve possuir sua própria agenda de manutenção, certificando-se de que esta é limpa frequentemente, dependendo do uso. Algumas empresas limpam suas unidades a cada 6 meses, e outras nunca as limpam. As empresas que nunca fazem a limpeza são aquelas que tem problemas com as bombas. Alguns exemplos de coisas para se observar, por segurança e para evitar que as bombas vazem, são:

  • Mangueiras livres de entupimentos e detritos
  • Fissuras ou alto desgaste
  • Paredes das mangueiras ficando mais finas

Uma mangueira ruim pode criar vazamentos, que podem ser um grande perigo ao operador de soldagem. Se a água derramar no chão enquanto você está soldando e tocar seu material de trabalho, você estará completando o circuito, então a eletricidade correrá através de você, o que gera um enorme risco de choque.

Cheque sua unidade refrigeradora uma ou duas vezes por ano para possíveis problemas relacionados ao tempo de uso. O ambiente é importante não somente para a manutenção, mas para a segurança da soldagem em geral. Todos pensam em seus equipamentos de proteção individual quando se trata de segurança, mas o ambiente em volta representa um fator igualmente importante na segurança da operação dos componentes da tocha refrigerada a água. Um ambiente “sujo” pode causar o entupimento de passagens do equipamento e mal funcionamento. Quando a soldagem é realizada em um ambiente com mais dificuldade de limpeza, checar de três a quatro vezes por ano pode ser necessário.

MB_EVO_PRO_501_Blog_Pic

Dica útil…

Utilize o líquido refrigerante BTC20 NF (não inflamável) para todas as aplicações MIG – esse líquido ajuda a manter todos os encaixes e conexões limpos e impede a ação eletrolítica, ele também lubrifica o bombeador e irá prolongar a vida da tocha.

Utilizar o líquido refrigerante correto é uma parte muito importante de se utilizar uma unidade refrigeradora. Se você está trabalhando em um ambiente muito quente, ou muito frio, você precisa se certificar que o líquido que está utilizando é correto para este ambiente. Você não deve misturar água no líquido refrigerante, pois este já é pré misturado. Se você misturar água ao líquido, estará correndo o risco de congelamento, fissuras ou formação de bolhas nas guias e conexões pois estará diminuindo a viscosidade do líquido. Isso pode fazer com que a água derrame no chão, criando risco elétrico. Líquidos refrigerantes de baixa condutividade estão disponíveis e são menos corrosivos às conexões da máquina.

Note que este tipo de líquido refrigerante precisa ser trocado frequentemente. Existem líquidos amigáveis ao meio ambiente que são biodegradáveis. Não utilize produtos feitos para carro. Esse é um tipo diferente de mistura e ira coagular, causando entupimento das guias. Água destilada pode ser utilizada temporariamente e somente em casos de emergência, mas não é recomendada para uso diário. Não utilize água comum no caso de uma emergência, pois os aditivos a água tratada podem conter corrosivos, desgastando as guias e encaixes.

Falando da tocha, você precisa se certificar de que as guias não estão entupidas. Você pode fazer isso utilizando a válvula de fluxo que já vem nas unidades de refrigeração CR 1000 e CR1250 ou uma válvula externa que você conectar na tocha caso utilize um tipo diferente de unidade refrigeradora.

Porque utilizar uma válvula de fluxo? Ela irá monitorar o volume de líquido que está passando pelas guias. Geralmente o líquido deve estar passando pelas guias a 45-55 psi. Pressão insuficiente ou muita pressão pode causas o superaquecimento das mangueiras, borbulhas e até a explosão delas. Se essas guias entupirem, essa válvula identificará e notificar ao soldador que não há liquido suficiente passando pelas guias, impedindo o acionamento da tocha. Se a tocha não estiver desligada ou não há um volume correto de líquido passando, há a possibilidade de superaquecimento da tocha levando risco ao soldador.

Na tocha em si, se há um problema de superaquecimento ou vazamento, isso também pode criar um risco elétrico. É sempre essencial substituir ou consertar a tocha suspeita de vazamento ou superaquecimento imediatamente, entretanto, só há como saber quando acontecer. É por isso que o soldador precisa sempre tomar as precauções necessárias ao soldar com uma tocha refrigerada a água. Utilizar luvas cirúrgicas de látex por baixo da luva de soldagem, assim como calçado adequado ajudam a manter as mãos e pés do soldador secos, especialmente em ambientes úmidos.

Um simples check-list irá tomar conta de possíveis problemas de manutenção que você possa vir a enfrentar. Se pergunta o seguinte:

  • Há algum líquido refrigerante no reservatório de líquido? O reservatório deve ser checado todo dia pelo soldador.
  • A colméia do radiador está bloqueada por poeira? Quando foi a última limpeza com jato de ar comprimido?
  • As conexões da mangueira estão para o lado certo? Caso não, o fluido será bombeado para o cabo de energia primeiro quando deveria ser bombeado primeiro para o pescoço para a máxima refrigeração do mesmo.
  • O ventilador de refrigeração está funcionando propriamente? Tenha certeza de que não está danificado como por exemplo lâminas de ventilação quebradas, etc.
  • O bombeador de refrigeração está ficando muito aquecido? Pode ser que o ar esteja travado ou bloqueado.
  • O cliente está usando ‘água da torneira’ ou ‘água destilada’ com anticongelante? Os encaixes e conexões podem ter ficado desgastados pela “Ação Eletrolítica”, pois a água da torneira permite passagem de corrente – isso pode os endurecer e os cabos de alimentação podem se tornar quebradiços e falharem.

Se os passos acima não resolverem o problema, então é recomendado utilizar um equipamento chamado Unidade de Teste de Água para ajudar a diagnosticar o problema.

A Unidade de Teste de Água pode ser utilizada para testar o seguinte:

  • Temperatura e pressão do líquido refrigerante no circuito do refrigerador.
  • Temperatura e pressão do líquido refrigerante no circuito da tocha
  • Taxa do fluxo de refrigeração.
  • Ponto de função da guarda de fluxo (quando instalado).

Manutenção é a palavra-chave. Um bom hábito de se adquirir é: antes de soldar, faça uma rápida inspeção nos equipamentos. Olhe todas as conexões e guias par ter certeza de que tudo está encaixado e nada está danificado.

Ligue sua unidade refrigeradora e sua tocha, e antes de abir o arco, cheque as mangueiras para verificar se tudo está encaixado corretamente e se não há vazamentos enquanto o liquido refrigerante flui. Contando que seu equipamento esteja sendo mantido da maneira correta, você terá uma ótima ferramenta de trabalho.


Confira a materia na integra: Tochas MIG Refrigeradas a Água – Dicas de Manutenção (binzel-abicor.com)


SHARE
RELATED POSTS
Qualificação do processo de soldagem TIG em aço inoxidavel
Sistemas flexíveis para automação de soldagem são destaques da Fronius na Expomafe 2023
ABICOR BINZEL apresenta Robô Colaborativo

Deixe seu comentário

*