Processos de Soldagem

Revestimento de Aço Carbono com Aço Inoxidável Austenítico

Artigo escrito por Ronaldo Paranhos.

Revestimento de Aço Carbono com Aço Inoxidável Austenítico

Esta é uma aplicação muito comum na indústria. Os motivos para esta grande utilização incluem, do lado dos aços carbono e C-Mn de grau estrutural, o seu menor custo em relação aos aços inoxidáveis austeníticos, aliado a uma maior resistência mecânica, principalmente em relação ao limite de escoamento e, do lado dos aços inoxidáveis, a sua resistência à corrosão muito superior e necessária em aplicações em que um meio agressivo esteja em contato com alguma parte do equipamento.

Assim, é uma prática comum projetar e fabricar equipamentos em aço carbono estrutural e revestir a sua superfície com um material mais nobre, principalmente em relação à resistência a corrosão. No Brasil…

isto é feito para diversos componentes de hidroelétricas, incluindo diferentes partes que permanecem em contato com a água, como palhetas das turbinas, condutores e distribuidores de água. Um metal de solda tipo 18%Cr-8%Ni já é suficiente para garantir uma resistência à corrosão adequada. Uma única exceção ocorre quando a região estiver sujeita a problemas de cavitação, neste caso ligas específicas são preferencialmente utilizadas.

Arquivo: Tamanho 0,68 MB – 6 páginas

Clique aqui e baixe o arquivo: Revestimento de Aço Carbono com Aço Inoxidável Austenítico

 Textos relacionados:

Técnica Operatória da Soldagem SAW

Processo arco Submerso – Características

Processo arco Submerso – Fundamentos

Processo mig/mag – Modos de transferência

SHARE
RELATED POSTS
Soldagem de Metais por ultrassom
Brasagem e Soldabrasagem
Gas Metal Arc Welding

Deixe seu comentário

*