Dicas

Dica sobre Soldagem Autógena

Um internauta fez uma pergunta esta semana 

…”Olá, se na solda autógena eu retirar um pedaço do metal de base e usar como metal de adição esta solda continua sendo uma solda autógena?

Por exemplo, antes de iniciar um processo de soldagem por TIG o soldador corta um pedaço da chapa do metal de base, e durante a solda autógena (caldeamento) ele usa o metal de base que ele cortou como metal de adição”.

Resposta do Prof. Luiz Gimenes: …”Sua pergunta é muito interessantes e vou explica-la em duas partes:

A soldagem autógena é quando você não usa a vareta com metal de adição apropriado para a soldagem, a soldagem é executada em um único passe, e portanto aplicável para chapas finas.

O uso de varetas obtidas através de cortes finos de chapas não é adequado pois não há elementos suficientes para desoxidar a poça de fusão da soldagem, por exemplo na soldagem de aços inoxidáveis há perdas de elementos químicos na fusão, principalmente cromo, dessa forma as varetas tem sempre mais liga que o metal base para compensar as perdas.

Caso o soldador faça essa soldagem a solda poderá sofrer corrosão por falta de elementos químicos, ou conter porosidade devido a falta de desoxidantes como Silício e manganês que são adicionados nas varetas de solda”..

Link relacionado:

http://infosolda.com.br/biblioteca-digital/livros-senai/metalurgia/135-soldabilidade-dos-acos-inoxidaveis.html

Dúvidas sobre solda? Mande um e-mail e teremos o maior prazer em ajudar

treinasolda@infosolda.com.br 

Assessoria técnica completa na área de soldagem para sua empresa. Atendemos todo o Brasil e Exterior

Será uma prazer apresentar nosso portfólio de produtos e soluções industriais

Tel.: (11) 3683-0364 / 3683-0754 (11) 96378-0157 / E-mail: infosolda@infosolda.com.br 

 

SHARE
RELATED POSTS
4° Semana Tecnológica de Metalurgia
Tubotech 2017- Garanta já o seu estande
Dica sobre processo de solda por fricção

Deixe seu comentário

*