Processos de Soldagem

Feixe de Elétrons

Artigo escrito pelo Prof. Luiz Gimenes do curso de Soldagem da FATEC-SP e da pós graduação em Inspeção e Automação em Soldagem do SENAI Nadir Dias de Figueiredo e por Engº José Pinto Ramalho, professor do curso de Engenharia de Soldagem da USP.

O feixe de elétrons é uma tecnologia utilizada para processamento de materiais, utilizando o calor gerado pelo impacto dos elétrons com o material a trabalhar.

O processo veio a desenvolver-se, juntamente com a técnica de vácuo, no início da época das construções nucleares (anos 50), quando se precisou soldar materiais reativos (Ti,Zr), e se teve problemas de oxidação.

Como os elétrons podem ser projetados no vácuo, resolveu-se assim o problema, passando-se a fazer as Soldagens em câmaras de vácuo. Com isto, obteve-se Soldagens com:

• Zonas fundidas muito estreitas,

• Livres de oxidações devido a serem feitas em vácuo, e

• Zonas termicamente afetadas (ZTA) reduzidas em conseqüência da grande convergência do feixe. Esta grande convergência resultará em uma interação feixe/matéria diferente das interações que temos quando soldamos com os processos convencionais.

Arquivo: Tamanho 0,25 MB em pdf. 18 páginas e 15 figuras.

Textos relacionados:

Soldagem por feixe de elétrons – Fundamentos

Soldagem por feixe de elétrons – Parâmetros de soldagem

Soldagem por feixe de elétrons – Características do processo

Clique aqui e baixe o artigo: Feixe de Elétrons

 

SHARE
RELATED POSTS
Técnica Operatória da Soldagem GMAW
Inteligência Artificial em Processos Robotizados de Soldagem GMAW
Processo de Soldagem por Arame Tubular

Deixe seu comentário

*